Relatório de trabalho realizado em 2020
 

Em seu primeiro ano, o Museu Origami recebeu grande público e desenvolveu diversos projetos:

  • Exposição : mais de 3.500 visitantes locais e internacionais. O número é significativo, já que o museu só permaneceu aberto de 24 de janeiro a 14 de março e apenas a partir de 21 de setembro. O resto do ano foi encerrado devido à pandemia.
     

  • Cursos : trabalhamos na produção do curso “Origami e Geometria” ditado pela Professora Stella Ricotti, voltado para professores do ensino fundamental e médio, e coordenadores de oficinas de arte. O curso é à distância, sem imposição de tempo. É composto por 47 vídeos com duração de quase sete horas. A edição ficou a cargo da equipe de produção do Museu do Origami.
     

  • Videoteca : iniciou-se a formação de uma videoteca . Neste ano, a equipe de produção audiovisual do museu fez mais de 20 vídeos sobre a história e os artistas do origami. Eles são acessíveis gratuitamente através do site do museu. Legendado em inglês e espanhol.
     

  • Oficinas : a partir de setembro, começaram as oficinas de origami para crianças e adultos, presenciais.

  • Biblioteca : Várias doações de livros e papéis de origami foram recebidas. Agradecemos a Mike Morton, Barry Hayes, Meenakshi Mukerji, Rona Gurkewitz, Charlene Morrow por suas doações.
     

  • Coleção : obras de artistas internacionais foram incorporadas à coleção do museu. Agradecemos Oriol Esteve, João Charrua, Román Díaz, Ángel Morollón por suas doações.
     

  • Divulgação : redes sociais e e-mail foram usados para comunicar atividades e cursos. O museu foi convidado a participar de entrevistas e workshops online coordenados por associações de origami de vários países.
     

  • Educação: Planos para convidar escolas foram suspensos devido à pandemia. Folhas educativas e outros materiais estão sendo produzidos para o público visitante.
     

  • Pesquisa : trabalhe com material do arquivo Gershon Legman e outras fontes históricas. Publicação de um artigo sobre a atividade de Legman em uma clínica psiquiátrica do Harlem. O original foi publicado na Pajarita, a revista da Associação Espanhola de Origami. Foi traduzido para o inglês e publicado em The Paper and The Fold (o último pode ser lido online) , as revistas OrigamiUSA. Em breve será publicado em francês.
     

  • Loja de Presentes : foi ampliada a oferta de papéis e livros de origami disponíveis na loja de presentes e na loja online do museu.
     

  • Incorporação ao RNMyCM do Uruguai : o Museu Origami recebeu avaliação favorável para ser incorporado à Rede Nacional de Museus e Coleções de Museus do Uruguai. Ele está atualmente em processo de registro ( leia a declaração RNMyCM aqui ). Este é um grande passo para um projeto que começou como um sonho distante há dez anos e também da comunidade internacional do origami, cujo apoio incondicional foi decisivo para tornar o museu uma realidade hoje.

  • Biblioteca: se recibieron numerosas donaciones de libros y papeles de origami. Agradecemos por sus donaciones a Origami USA y Charlene Morrow (papeles de origami) y a los siguientes amigos del museo por la donación de libros: Mike Morton, Barry Hayes, Meenakshi Mukerji y Rona Gurkewitz y Tereza Yamashita. Gracias especiales a Meenakshi Mukerji por su gestión ante CRC Press para a donación de libros. 

Books Donated 2020_2021_a.jpg